(19) 3255-1850 | (19) 996181212
campinas@alubrat.org.br

Blog

AS REGRAS ESPIRITUAIS DO RELACIONAMENTO

Resumo por Daniela Nicastro do livro de Yehuda Berg

AS REGRAS ESPIRITUAIS DO RELACIONAMENTOOpostos não se atraem. Semelhante atrai semelhante e opostos se repelem.
A mulher é responsável pelo sucesso de um relacionamento.
Lado direito, masculino, Luz – Lado esquerdo, feminino, recipiente de energia. Compartilhar e receber. Causa e Efeito.
Quando um homem ou uma carreira ou uma situação ou seja uma entidade externa é a a Causa da sua felicidade, você vira um Efeito e desconecta se da Luz. Procurar a aprovação dos outros porque vc esta se sentindo vazia por dentro é uma estratégia totalmente infrutífera. Até mesmo o próprio ato de olhar para fora de si a desconecta da Luz fazendo com que você se sinta mais vazia.
A Kabbalah nos diz que o mundo ao nosso redor – a realidade que percebemos por meio dos nossos cinco sentidos – representa apenas 1 por cento da realidade verdadeira. Os 99 por cento restantes estão ocultos da nossa percepção comum. O mundo oculto dos 99 por Cento é onde a Luz se encontra.
A Luz se encontra abaixo de nossa massa cinzenta que constitui o cérebro humano, nas profundezas das moléculas, muito abaixo de todas as partículas ainda a serem descobertas pela ciência, lá você encontrara um mar infinito de energia. Esse reservatório interminável do Poder Divino é a fonte de tudo o que existe. Essa é a fonte da Criação. Esse é o verdadeiro Paraíso. Esse é o mundo ilimitado da consciência luminosa da Luz Divina, também conhecido como Realidade dos 99 por cento.
São os pensamentos e comportamentos que a consciência nos leva a ter que determinam se estamos conectados ou separados dessa energia luminosa.
Toda ideia maravilhosa, toda inspiração, todo pensamento criativo, toda premonição que emerge de sua mente tem origem na realidade dos 99 por cento. Quando tudo dá certo na sua vida, você esta conectada. Quando as coisas dão errado, há um espaço separando você dessa Fonte que é o mundo dos 99 por cento. A vida é assim, simples.
Viver é saber como se engajar – conectar-se – no nível mais básico da realidade à energia espiritual que esta bem dentro de você. As Regras Espirituais do Relacionamento existem apenas para permitir que você se reconecte com a Luz. A medida que você aumenta sua conexão com a Fonte de Todo Bem, como mundo dos 99 por cento, sua alma gêmea se aproxima da sua vida. E isto esta em nossas mãos.
São os relacionamentos humanos que nos dão a oportunidade de preencher nossas almas com Luz verdadeira e alegria sem fim. E conseguimos alcançar esses relacionamentos perfeitos e felizes quando construímos e estabelecemos, em primeiro lugar, o relacionamento entre nós mesmos, nossas almas, e a Luz gloriosa que ilumina a Realidade Divina dos 99 por cento.
Existe dentro de nós uma força contraria a tudo isso que chamamos de Adversário que tem a função de lutar com você e distancia-la da Luz. É o Adversário que a incentiva diariamente a receber ao invés de Dar. É o Adversário que a faz reagir a toda influencia externa e é nessa hora que procuramos validação, felicidade, aceitação e aprovação fora de si mesmas. O Adversário adquire a forma do ego humano.
Todos os relacionamentos começam como uma forma de necessidade, uma vez que procuramos satisfazer nossos próprios desejos. O denominador comum a todos os relacionamentos de almas gêmeas é a meta comum a ambos os parceiros de se conectarem com sua força divina interior. Cada um dos parceiros esta seguro e satisfeito com ele mesmo, o que o torna livre para compartilhar sua bondade com o outro – sem nenhuma obrigação de fazê-lo.
Imagine um sistema solar no qual dois planetas (duas pessoas) orbitam em torno do Sol. Eles devem estar na mesma direção para não haver colisão. Eles precisam querer as mesmas coisas da vida, ter valores complementares e objetivos similares. Não devemos se confundir com a paixão ou química que vc pode sentir no inicio de um relacionamento. Isto é apenas informação na Realidade 1 por cento. Para que dois planetas orbitem com sucesso deve existir toda a logística de uma viagem a longo prazo. Os planetas devem estar na mesma altitude, ou seja, no mesmo nível espiritual. O apetite deles pela vida deve estar alinhado. Se um planeta estiver girando muito acima do outro, nunca estarão suficientemente perto para se comunicar eficientemente. Não importa o quanto se esforcem tentando, nunca estarão no mesmo comprimento de onda.
Compete ao homem decidir a maneira com a qual ira canalizar a Luz para este mundo. Compete a mulher decidir se a maneira de ele trazer Luz a esta realidade física esta alinhada com os objetivos e valores dela com a direção que ela escolheu imprimir à sua própria vida.
Por alguma razão, mesmo quando as intenções são boas, algumas pessoas sentem necessidade de coagir os outros. Deus nos deu o livre-arbítrio, para que pudéssemos merecer descobrir todas as verdades. Se Deus respeita nossa liberdade em dizer não, precisamos reproduzir essa consciência de Deus e não coagir os outros. E, sobretudo, uma mulher não deve nunca permitir que um homem (ou qualquer outra pessoa) exerça coação sobre ela. Se consentir, estará negando a maior das dadivas que Deus lhe deu.
Qual é a fonte da felicidade de uma mulher? Chocolate? Sexo? Silencio? Um bom papo? Sapatos novos? A Luz é a causa máxima da felicidade de todas as pessoas. Um homem não pode torna-la feliz. Ele não pode mudar a maneira como você se sente a respeito de si mesma. Ele não pode fazer com que você se sinta amada. Ele não pode fazê-la sentir-se segura. A única coisa que pode fazê-la sentir tudo isso é a Luz.
De acordo com a Lei da atração, você precisa se tornar semelhante a Luz para se aproximar dela. Se você procurar felicidade fora de você, esta cedendo o controle para uma influencia externa. Esta se tornando o Efeito em vez de ser a Causa. Isso cria desconexão, separação e espaço entre você e sua Luz Divina interna. A escuridão preenche este espaço, eis a raiz de toda infelicidade.
Para se conectar a Luz começa primeiro honrando seus próprios interesses e paixões. Começa a se envolver com atividades que lhe dão realmente prazer, e não coisas que a outra pessoa gostaria que você fizesse. Você não faz isso por motivos egoístas, mas para se conectar com o propósito de sua alma.
Quando estiver satisfeita com quem você é como pessoa, com sua conexão com a vida, com sua jornada espiritual, quando seu foco se voltar para ajudar alguém necessitado, quando não estiver reagindo à situação, sua alma gêmea é atraída a você. Sua Luz é como um farol para o qual os homens são atraídos. Por quê? Porque a Luz do Criador, canalizada por meio de um homem, tem um objetivo: encontrar o caminho até você. É a lei da Atração na sua forma mais elementar. Luz atrai Luz. Os homens querem merecer sua Luz. Os homens querem trabalhar para obter a Luz que você pode lhes dar, caso contrario não a apreciarão de verdade. Eles não reconhecem isso por meio da logica. Não entendem. Eles jamais entenderão isso no nível intelectual. Mas a alma deles entende. Totalmente.
Seja o que for que você goste de fazer; faça-o esta semana, ou faça-o ainda hoje! Não pare de fazer o que gosta. Essa é sua forma de revelar a Luz.
Você e seu parceiro podem estar juntos há muito tempo, mas as funções da alma masculina e feminina não mudam. A função do homem é compartilhar e a da mulher é ser um Recipiente para receber o que ele compartilha. Um homem deseja agradar, enquanto a mulher deseja ser agradada, apreciada e respeitada. Por meio de sua consciência e das ações que você praticar, seu parceiro nunca deve esquecer que precisa sempre fazer por merecer seu amor, que seu Recipiente deve ser sempre bem cuidado, e que a Luz que você tem é um tesouro Divino.
Os homens funcionam em um mundo de ação, um mundo de proatividade. O canal tem que estar em constante estado de compartilhar. E as ações de um homem irão revelar se ele esta em paz ou não, dependendo da forma como ele compartilha sua Luz com o mundo. Se você encontrar um homem que ainda não descobriu seu lugar no mundo, que não esta feliz com o caminho que tomou, que não definiu seus próprios termos como homem, esse homem ira trai-la. Essa traição não precisa ser sexual. Os homens podem se tornar emocionalmente indisponíveis de varias maneiras. Eles o fazem por meio do aparelho de TV, do trabalho, do álcool, da internet, do jogo ou de qualquer tipo de vicio ou distração. Homens querem gratificação instantânea, prazer imediato e sucesso a curto prazo.
Ame o canal. Ame o condutor de energia. Ame a maneira como ele traz energia ao mundo. Se você não conseguir, então não o faça. Mas não pense, nem por um segundo sequer, que ira muda-lo. Você não pode mudar o canal, pode apenas mudar o tamanho, a forma e a disponibilidade do seu Recipiente. Se você não consegue aceitar a maneira pela qual ele canaliza para o mundo – talvez o trabalho dele seja muito perigoso para você.
Se o canal dele não se encaixa bem no seu Recipiente, você sentira constantemente frustrada, o que prejudicara seu relacionamento mais importante – a Luz. Apoiar e apreciar a maneira como seu homem revela Luz no mundo reforça sua conexão com o Criador. E se você fizer o contrario, o efeito também será contrário. Se estiver desperdiçando sua energia tentando mudar o homem com quem esta relacionando, seu relacionamento com a Luz também fica prejudicado. Ninguém ganha com isso. A vida passa a ser um curto-circuito atrás do outro. Manter alguém restrito para atender a seus próprios interesses não dará espaço para que ele cresça.
Uma forma de demonstrar apoio de forma pratica é fazer com que seu homem saiba quando faz algo que lhe dá prazer. Você pode fazer isto por meio de um olhar, um jantar gostoso, um beijo ou um toque cheio de admiração. Um homem, por sua natureza, gosta de sentir que não compartilhou a Luz dele em vão. E, além disso, sempre que ele compartilha e você recebe, você estimula o fluxo de Luz e o momento especial de energia entre ambos. É por este motivo que é tão importante reconhecer o esforço dele e reforçar sua capacidade de canalizar a Luz
Se a mulher não puder mais aguentar seu parceiro, então a decisão já foi tomada no nível espiritual. O coração dela não esta mais no jogo. Se ele esta gastando a energia dele em algum outro lugar, não esta mais desempenhando seu papel na relação. Perceber isso pode ser terrivelmente desconfortável (envolve medo e ego), porque você entende a maneira que como o Universo funciona, no final se submete a uma Lei Superior e não ao seu homem. Essa autoridade superior é a Luz. Você ainda pode amá-lo, mas sendo a administradora da relação, consegue tolerar certas coisas, mas não outras. Isto significa traçar uma linha divisória e estar preparada para agir se ela for cruzada. Como já se sabe, a estrutura da alma feminina é um Recipiente – um Recipiente com paredes e estrutura definidas, como as de uma fortaleza. E como qualquer fortaleza, precisa ser protegida.
Harlan Hendricks, famoso psicólogo, foi quem melhor falou sobre isso: “Para que um casamento ou qualquer relacionamento de longo prazo dure, você tem que ser capaz de fazer qualquer coisa pela outra pessoa, inclusive deixa-la”. Se essa for a decisão que você precisa tomar, tenha certeza de que não esta saindo vazia da relação. Seu Recipiente, desde os inicio dos tempos, esta estourando de tanta Luz e permanecerá assim para sempre. Esse é seu papel na vida.
De acordo com a Kabbalah, você já viveu muitas vidas e suas encarnações anteriores ditam quem você atrai na vida atual. Não se pode se sentir atraída por algo ou alguém, a não ser que já tenha um conhecimento prévio. Se você ainda não experimentou algo, não pode ter uma opinião a respeito disso. Nos relacionamentos, funciona da mesma forma. Experiência anterior com alguma coisa ou alguém, cria carma, ou resíduo de vidas passadas. Isso explica porque você tem uma vinda de emoção quando encontra certas pessoas, muito embora isso não faça nenhum sentido lógico. Mas de alguma forma já ouviu essa “canção” antes.
Você pode ter um melhor amigo ou amiga ou um sócio no trabalho, que seja sua alma gêmea. Seu irmão ou irmã também pode ser sua alma gêmea. Almas gêmeas são pessoas com as quais temos conexões particularmente fortes. Seus caminhos se cruzaram antes em outra vida e agora essas pessoas estão assumindo papeis em sua vida atual, para ajuda-la a transformar-se e a alcançar o próximo nível de consciência. E você esta aqui para fazer o mesmo por elas. Vocês são sócios espirituais.
A maioria de nós prefere ficar na zona de conforto e evitar cruzar o oceano da nossa consciência. Não queremos abrir mão do nosso caos, trocando-o pela Luz. Você pode não considerar caóticos seus hábitos, medos e inseguranças, mas se eles impedem que você viva a vida da maneira como ela foi feita para ser vivida, então, do ponto de vista da Kabbalah, isso é o caos.
O Zohar nos diz que frequentemente uma mulher esta pronta para uma parceria espiritual profunda e o homem, não. Ele em geral tem que se casar com muitas mulheres diferentes, ate que esteja pronto para viver com sua verdadeira alma gêmea. Assim, se você encontrar um homem que já foi casado e divorciado, isto não é necessariamente ruim. Se ele utilizou estas experiências como oportunidade de crescimento – se aprendeu com os erros que cometeu, então a consciência dele esta evoluindo, e talvez no próximo relacionamento ele esteja pronto para canalizar sua Luz para o Recipiente perfeito – uma mulher que o ajude a realizar seu pleno potencial.
Quando duas pessoas com objetivos em comum finalmente ficam juntas, amam ao outro, respeitam-se e entendem as Regras Espirituais do Relacionamento, não existe nada mais poderoso. Ambos estão comprometidas com uma causa mais elevada – A Luz. Esse é o nível máximo – para ele e para ela. No final das contas, trata-se da Luz e de ajudar a apoiar a conexão um do outro com a Luz. Esse é um relacionamento de almas gêmeas.
O que torna um relacionamento profundamente pleno? Um propósito mais elevado. O que é um propósito mais elevado? É quando lutamos para trazer mais Luz para o mundo. Será que este propósito soa abstrato ou ambicioso demais? Não, na verdade ele é profundamente pratico. Começa com uma pergunta muito simples: “Como posso compartilhar? Como posso compartilhar dentro do meu casamento ou relacionamento? E como posso compartilhar fora do meu casamento ou relacionamento? Compartilhar é a chave da felicidade; é a forma pela qual alcançamos plenitude.
Sua alma gêmea não precisa ser alguém que estude Kabalah, mas tem que ser uma pessoa que você respeite, cuja forma de trazer Luz para o mundo seja algo que você possa sustentar. Seus caminhos espirituais paralelos serão a cola que os unirá. Vocês se tornarão como aqueles dois planetas de que falei anteriormente – caminhando na mesma direção, velocidade e altitude.

Boa jornada!

Comment(1)

  1. REPLY
    Danielle diz

    Muuito bom! Muuito obrigada pelo esclarecimento

Deixe seu comentário

Pin It on Pinterest

Share This